21/01/2016

Como falar sobre dinheiro com os mais novos?




-  Mãe, quero isto!
-  Mãe, quero esta boneca!
-  Mãe, quero este carrinho!

Muito habitual, não é? Quantas vezes ouvimos isto em frente a uma montra, no supermercado ou numa loja. A seguir a este pedido/quase ordem, segue-se a negociação. Qual negociação? Aquela em que a resposta é não? Assim deixa de ser negociação. Aquela em que a resposta é amanhã pensamos nisso? Não existe amanhã para a criança. Aquela em que se te portares bem, o Pai Natal dá? Aquela em que se comeres a sopa toda, a mãe dá?

Pois! É difícil sim. A maior parte das vezes, as crianças não tem noção do dinheiro, do quanto custa. Mas inventar desculpas, sem pensarmos na melhor forma de elucidar as crianças, não estaremos certamente a resolver nada.
Então, como podemos falar de dinheiro com os nossos filhos mais novos? Como ir incutindo o valor do dinheiro, do trabalho e da poupança? Como lhes dar a conhecer o dinheiro?

Acredito que com muita brincadeira, e que desde cedo podemos ajudá-los a ajudar-nos. Como assim, ajudar-nos? Aqui a questão é que ao investirmos tempo nesta temática e nestas actividades que te vou propor, eles vão aprendendo sobre o assunto. Dessa forma, ajudam-nos a torna-los pessoas conscientes no uso do seu dinheiro. E por etapas, cada vez mais desafiantes as crianças vão conquistando as suas habilidades na gestão do seu dinheiro, dinheiro de bolso ou mesadas.
O que quero propor-te neste post são actividades simples, mais uma vez inspiradas no método Montessori, que muito me tem ajudado.



1 - Inserir moedas no mealheiro
Este movimento tão simples, por si só é um excelente exercício de coordenação motora fina. 
E sempre que insere a moeda, dizer o valor em questão. 
Assim, vai reconhecendo a moeda e o seu valor.




2 -  Mergulhar algumas moedas numa solução de vinagre e sal. 
Deixar na solução por 15m. Retirar com um pinça. Polir com um cotonete.




3 - Montar uma mercearia com a respectiva caixa registadora.
 Etiquetar os produtos com os preços. 
Utlizar as notas (dos cartões de correspondência ) e moedas. 
Simular uma ida ás compras.




4 -  Criar pequenas caixas ou potes com imagens das notas. 
Corresponder as notas ás caixas.




5- Usar os cartões de 3 partes para fazer a correspondência com as notas.
 Para imprimires as as imagens e criares os cartões, faz download no fim do post.




6 - Iniciar o sistema de poupança com envelopes. 
De acordo com as vossas prioridades/objectivos, decorar envelopes e identificar como poupança para livros, viagens...




7 - Poupar em família com o Desafio das 52 semanas. 
Com um frasco de cereais ou outro qualquer pote, ir juntando os valores correspondentes a cada semana e ver crescer a poupança. Podem decorar o frasco de forma criativa também.



 Todas estas actividades são boas para falarem sobre dinheiro, notas, moedas, quantias, quantidades, etc.
Á medida que as crianças sentem o nosso interesse genuíno em falar-lhes sobre este assunto, mais elas vão querer colaborar. E dessa forma nas situações reais, do dia-a-dia, a ida á padaria, ao supermercado são momentos excelentes de aprendizagem. Podem efetuar os pagamentos, receber o troco e guardar no seu porta-moedas. Nestes momentos preciosos, as crianças vão sendo cada vez mais capazes de interagir de forma positiva e responsável.



Para imprimir os cartões de 3 partes e usar nas actividades, faz download na seta. 
Para saberes mais sobre como criar este tipo de material lê o este texto explicativo

2 comentários:

  1. Ideias excelentes! Gosto em particular da ideia dos envelopes.

    ResponderEliminar
  2. Olá Fitadevies!
    Os envelopes são fantásticos!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...